3 dicas de SEO para 2015 que você já deveria ter implementado

Escrito por

Publicado em: 20 de Maio de 2015 - Atualizado em: 6 de Abril de 2018

Pois é pessoal, estamos quase na metade de 2015 e já tivemos mudanças significativas para o SEO. O que se percebe é um apelo muito grande para o mobile, que se consolida mais a cada dia, segurança da informação e experiência do usuário. Separei aqui 3 dicas de SEO para você implementar no seu site pra ontem!

1. Deixe seu site Mobile-Friendly

O universo mobile já não é novidade para ninguém e, na minha opinião, já deveria ter entrado na pauta da galera há mais tempo. No último 21 de abril, rolou a atualização que passará a favorecer sites Mobile-friendly nas pesquisas do Google. Esse mesmo que as pessoas trataram como o fim dos tempos, rs. O fato é que não foi uma avalanche inicial, mas tende a ser se você não se preparar.

O que é deixar meu site Mobile-Friendly?

Seu site não deve ser apenas responsivo, deve ter uma experiência legal e isso vai além de Media Queries. Ser responsivo é o mais indicado para trabalhar com URLs únicas, sem redirecionamentos em mudanças de contexto. Mas você pode ter aquele “m.”, se quiser.

Mas, levando em conta que você escolheu o responsivo para compatibilizar seu site com o mundo mobile, vamos há algumas observações legais para deixar seu site bem legal.

Velocidade importa

No mobile, você sabe que a internet, geralmente 3g ou 4g, não ajuda e um site lento pode dificultar a vida do usuário. Além disso, pode gerar desistências, reduzindo seu tráfego. Se atente para alguns pontos:

  • Utilize arquivos css e js específicos para cada página, reutilizando de forma inteligente e carregando o necessário.
  • Cheque o tamanho e quantidade de imagens carregadas. 
  • Algumas imagens podem fazer parte do seu Sprite e serem carregadas via css.
  • Cheque o número de redirecionamento.
  • Minifique seus arquios JS e CSS.
  • Tente comprimir as imagens.
  • Cheque o tempo de resposta do servidor.

Semântica e Usabilidade

Duas coisas que geralmente não andam separadas. Se você possui uma boa semântica, fatalmente terá uma usabilidade melhor. Não deixe de checar:

  • Heading Tags hierárquicas: h1, h2, h3.
  • Apneas um h1.
  • H2 não é parágrafo, portanto use com moderação.
  • Faça marcação de dados com schema.org.
  • Cheque a área clicável dos botões e links, devem estar agradáveis no mobile.
  • Imagens devem ser responsivas.
  • Utilize HTML5.
  • Não se esqueça do bom e velho breadcrumb.

2. Tenha um site seguro

Com certeza você já conhece aquele papo de invasão e tal, mas não se preocupa por que ainda não aconteceu com você. Pois é, isso é um risco muito ruim para você e, dependendo do site, para as pessoas cadastradas ali em casos de e-commerces e blogs.

O Google já prioriza conexão segura há algum tempo e já está utilizando o protocolo seguro (SSL) como fator de ranqueamento. É importante se preocupar com a segurança da informação em uma era altamente digital e isso se aplica a grandes e pequenos sites.

Portanto, se atente para o seguinte:

  • Utilize protocolo https (SSL)
  • Cheque a integridade do seu servidor.
  • Atualize seu CMS (WordPress e afins) e plug-ins, caso utilize.
  • Cheque as permissões de pastas e arquivos
  • Utilize senhas seguras, tanto para acesso administrativo, quanto para o técnico.
  • Certifique-se que o seu site possui um bom código.

3. Experiência do Usuário e as dicas de SEO

Experiência do usuário é um tema muito complexo, que passa não só pelo código, mas pelo design ou comunicação visual do seu site. Por isso é importante trabalhar bem as estratégias de forma que o produto final proporcione uma ótima experiência ao usuário. Além disso, as próprias dicas anteriores para mobile e segurança já irão elevar a qualidade de experiência no seu site.Para o SEO, tente trabalhar o conteúdo como algo natural.

  • Reduza a quantidade de links para uma mesma página, despoluindo visualmente e evitando problemas de Onpage. Afinal, é péssimo ler um artigo com 500 no texto.
  • Tente utilizar ancoras naturais para o conteúdo, em focar o tempo todo na keyword.
  • Disponibilize plug-ins de compartilhamento.
  • Configure o Twitter Card e o Open Graph, isso melhora o compartilhamento, gera engajamento nas redes e é bom para o buscador.
  • Invista em um design de qualidade para o seu site.

Bom pessoal, espero que tenham gostado. Qualquer dúvida, deixe um comentário aí que a gente bate um papo!

Valeu!

Um cara tranquilo que gosta de códigos e estratégia. É empreendedor, co-fundador da Agência Assoweb. Trabalha com SEO, Marketing Digital, Front-end, Back-end e Design. Adora ler, escrever, jogar futebol e tomar café. Ama sua família e é músico nas horas vagas!